pt-pt

Alimentos sazonais, frutas e legumes da época.

fruits_et_legumes_de_saison_frutas_e_legumes_da_epoca_in_season_fruits_and_vegetables_02

Tudo o que colocamos no nosso prato tem impacto na nossa alimentação e isso é algo que não devemos subestimar. A forma como os produtos são cultivados, transformados, embalados, transportados e até mesmo cozinhados afeta diretamente o nosso bem-estar e a saúde do planeta. Mudar hábitos alimentares é, por isso, o primeiro passo para uma vida mais saudável. Optar por produtos frescos, locais e frutas e legumes da época é uma excelente forma de dar início a esta mudança. Aqui ficam algumas das razões pelas quais deve começar e ainda como o poderá fazer.

 

Por que motivo optar por alimentos sazonais?

São muitas as vantagens de consumir frutas e legumes da época, sobretudo quando estes são cultivados de forma consciente e não viajaram centenas de quilómetros até chegarem ao nosso prato. Consumir produtos frescos, provenientes de agricultura biológica e, tanto quanto possível, regionais é um primeiro passo para uma alimentação mais saudável e consciente. Enquanto consumidores, esta é uma decisão que, em certa medida, nos conecta com a Natureza.

Além disso, se há coisa que a Natureza tem é um equilíbrio muito próprio, pelo que a ingestão de frutas e legumes da época garante, coincidentemente, o que o nosso corpo mais precisa nessa exata altura do ano.

Não será nenhuma surpresa dizer que uma alimentação sazonal, com frutas e legumes da época, será tendencialmente mais saborosa. Ao mesmo tempo, o consumo de produtos cheios de vitaminas, minerais e antioxidantes protege-nos das agressões externas e fortalece o nosso organismo. Para tirar o maior partido destes valiosos aliados da saúde (antioxidantes, minerais e vitaminas), é importante eleger os alimentos mais frescos, livres de químicos e, no caso das frutas, ingerir sempre que possível a casca, desde que bem lavada.

 

Quais as frutas e legumes da estação?

Realmente, a Natureza não brinca em serviço e põe à disposição os alimentos essenciais ao bom funcionamento do nosso organismo a cada estação. Além disso, consumir alimentos sazonais significa, necessariamente, maior diversidade porque não comemos o mesmo tipo de legumes ou frutas durante o ano todo.

No outono e no inverno, com a chegada do frio e a falta de sol, o nosso corpo reclama mais vitaminas e o nosso sistema imunitário precisa de um reforço. É altura de privilegiar as abóboras, as couves, couve-flor e brócolos assim como as raízes (nabos, cenouras, beterrabas) ou alimentos mais calóricos como os figos, as castanhas ou as nozes. Ah! E é crucial não esquecer todos os frutos ricos em vitamina C como os kiwis ou os citrinos (laranjas, tangerinas, clementinas).

Já na primavera e no verão, há que tirar proveito da abundância de antioxidantes presentes nos frutos vermelhos, como os morangos, os mirtilos ou as framboesas. Numa época em que o calor aperta, o nosso organismo pede água e é nessa altura que os tomates, os melões, melancias ou pepinos nos dão a hidratação de que tanto precisamos.

 

Alimentos sazonais fazem bem à nossa saúde e à do planeta.

Uma alimentação equilibrada, com base em alimentos sazonais e locais também contribui para a redução da nossa pegada ecológica. Optar por alimentos sazonais é prescindir de uma produção agrícola irresponsável que, por forma a garantir a oferta, opta necessariamente por uma exploração intensiva. Além disso, estamos a evitar alimentos que exigem um elevado consumo energético, para criar as condições de cultivo artificialmente, ou que vêm do outro lado do mundo, viajando quase sempre de avião.

 

Claro que não somos de ferro e, por vezes, pode apetecer-nos algo fora da estação ou algo que dificilmente é cultivado no nosso país ou região. No entanto, importa ter em atenção o que esse comportamento acarreta e tomar as decisões conscientes de que o planeta pode sofrer com os nossos pequenos caprichos!

horta_em_casa_potager_balcon_vegetable_garden
Kit Horta em Casa

Tudo o que precisa para começar a cultivar.

SAIBA MAIS SAIBA MAIS

Ficou interessado?

Receba as novidades do nosso blog e descubra todos os casos de sucesso