pt-pt

O que cultivar e quando na minha horta?

cultivar_planter_grow_01

Longe vai o tempo em que os morangos só apareciam no Verão, as pencas eram típicas do Natal e as castanhas celebravam o Outono. Hoje, muito à custa da saúde do nosso planeta, habituamo-nos a comer de tudo todo o ano, com as desvantagens que isso possa trazer para a nossa saúde. Como tal, não é de estranhar que na hora de começar a cultivar a horta muitos se perguntem: mas afinal o que devo plantar e quando?

Ao contrário das prateleiras dos supermercados,
na terra não “dá” de tudo todo o ano!

Plantar tomates em dezembro ou abóboras em janeiro pode trazer alguma frustração e não é por falta de jeito, mas simplesmente por não ser o momento mais indicado. Para ajudar no planeamento da sua horta, deixamos aqui algumas dicas para que possa plantar a cultura certa, no momento certo!

 

 

Tomate. A estrela da horta planta-se na primavera.

Não é novidade para ninguém que existem diferentes espécies de tomate que variam no tamanho, na forma, nas cores e sabores: o apaixonante tomate coração de boi (um clássico nacional), que pode ser vermelho ou laranja; os de aspeto mais exótico como o black cherry ou green zebra; os que lembram uma pera, como os red pear, ou os banana legs ou ainda os ligúria; sem esquecer os mais apropriados para principiantes, como o dorenia, matina ou rotkappchen.

A grande maioria destas espécies deve ser semeada entre fevereiro e março mas, com alguma boa vontade,podemos estender a sementeira até ao final de abril. Pegue nas sementes e enterre-as a 2 cm de profundidade, numa caixa de ovos por exemplo, mantendo-as dentro de casa e com o substrato sempre húmido até perceber que começam a germinar. Com calor e pouca luz as mudas vão crescer em altura ainda que a um ritmo lento, por isso algumas horas de luz solar direta são muito importantes.

Quanto a planta tiver cerca de 10 a 15 cm de altura, transplante para a sua horta. Também pode optar por adquirir as mudas dos tomateiros num horto, já com o tamanho adequado para plantar no exterior, certificando-se sempre que provêm de agricultura biológica e verificando o nome da variedade que pretende. Escolha um local ensolarado e deixe espaço suficiente para a planta crescer, sem se esquecer de regar junto ao caule até que a planta se adapte à sua nova casa. Se quer que o tomateiro cresça em altura, não se esqueça de colocar uma estaca de bambu junto ao caule antes que as raízes se comecem a desenvolver!

 

 

 

Abóboras para colher do início até ao final do verão.

Verão é sinónimo de curgete! A curgete, verde ou amarela, é um tipo de abóbora que se planta entre março e junho e que fica pronta a colher entre maio e meados de junho. É importante deixar algum espaço entre cada uma e, quando o fruto começa a aparecer, recomenda-se a utilização de um fertilizante biológico rico em potássio. Enquanto isso, pode aproveitar as suas belas flores amarelas. As flores macho são as primeiras a aparecer e têm um talo mais longo, as flores fêmea dão o fruto quando a polinização é bem sucedida. Apesar das diferenças, entre macho e fêmea, ambas são comestíveis.

A abóbora mais conhecida é, talvez, a utilizada como decoração no Halloween. Plantando em abril, deverão estar prontas a colher no final de setembro, princípio de outubro (just in time!). Se cortar uma ou outra folhagem algumas semanas antes de colher, vai conseguir expôr a pele do fruto ao sol, o que facilita o seu perfeito amadurecimento.

 

 

horta_em_casa_potager_balcon_vegetable_garden
Tudo o que precisa para começar a cultivar
SAIBA MAIS SAIBA MAIS

Rúcula, quem disse que as saladas são só no verão?

Perdida no esquecimento durante alguns anos, a rúcula renasceu recentemente nas ementas de europeus e americanos. A sua forma esguia e recortada, assim como o seu travo levemente picante, podem não fazer adivinhar à partida que a rúcula pertence à família das folhas de saladas. Fácil de semear, cresce em cercade 6 a 8 semanas e prefere substratos bem nutridos. Faça uma fileira com 1 cm de profundidade e regue antes de espalhar as sementes ao longo do carreiro. Cubra com o substrato e regue novamente, mantendo a superfície relativamente húmida até que germinem.

Plantar em pequenas mudas pode ser mais fácil, mas uma vez que são mais difíceis de encontrar, a opção para melhores resultados com a germinação é utilizar caixas de ovos e transplantá-las para a sua cama de cultivo Noocity quando já têm um tamanho considerável. A rúcula pode ser plantada em alta densidade, por isso pode deixar apenas 5 cm de espaçamento entre sementes. Para colher, o melhor mesmo é ir retirando as folhas à medida que vai utilizando.

Rica em antioxidantes, vitaminas e minerais, a rúcula pode ser um ótimo alimento antes de fazer exercício físico já que possui altos níveis de nitrato.

 

Culturas que se colhem quase todo o ano.

Esquecida durante algum tempo, a beterraba parece ter voltado em força à gastronomia global, sobretudo quando se fala de alimentação saudável e nutritiva. Esta raiz cheia de antioxidantes é mais versátil do que possamos pensar. Cozida, assada ou ralada traz sabor e muita cor a qualquer prato. Plante a beterraba entre março e junho e colha daí em diante até novembro ou dezembro (desde que o solo não gele)e, dependendo da variedade, deverá estar pronta a colher entre aproximadamente 7 a 13 semanas. Embora seja bastante resistente ao calor, as condições de solo demasiado secas vão deixar as raízes pequenas e mais fibrosas. Não se esqueça que além da beterraba mais comum, vermelha escura, existem outros tipos de beterraba com cores surpreendentes como a beterraba dourada, a chioggia ou a beterraba branca.

O rabanete é outro legume que, crescendo rápido, se dá bem tanto com sol como com alguma sombra. Os chamados rabanetes de verão são talvez os mais comuns, redondos e rosados podem ser semeados entre março e setembro. Se quiser experimentar as variedades de inverno, geralmente de formas e cores diferentes, poderá estender a colheita durante o inverno. Tire o maior partido do seu “pedaço de terra” e plante uma fileira de rabanetes entre as restantes culturas. Como crescem relativamente rápido pode intercalar com outras culturas mais lentas como é o caso das cenouras ou das cebolas. Uma vez colhidos, não desperdice as folhas são ótimas para apimentar saladas!

 

Ficou interessado?

Receba as novidades do nosso blog e descubra todos os casos de sucesso